Como abrir um coco

Abrir um coco pode ser um processo difícil se você o fizer de forma errada. Há várias maneiras de fazê-lo de forma bastante eficiente (sem perder nada ou destruir qualquer ferramenta). A técnica que você escolhe provavelmente dependerá do seu tempo disponível e das ferramentas que tiver.

A técnica do prego e martelo. Esta é provavelmente a maneira mais comum de abrir um coco e, definitivamente , a que mais tempo leva.

  1. Encontre os ‘olhos’ localizados em uma das extremidades do coco. Você provavelmente verá três deles. Estes são os pontos mais fracos da casca – eles são seus amigos!
  2. O que fazemos com amigos? Usando seu martelo, martele um prego nos ‘olhos’. Você vai querer fazer isso em um lugar onde o coco não irá rolar embora. Além disso, esteja certo que a força de sua martelada não danificará o lugar que você tem seu coco. Escolha algo duro e virtualmente inquebrável (ou algo que você simplesmente não se importa!) Como abrir um coco
  3. Em seguida você colherá os benefícios de suas marteladas. Você deve ter ficado suado com seu trabalho, mas logo você pode relaxar enquanto olha o lento gotejar da água de coco pingando dos três furos. Quando eu digo ‘lento gotejar’, eu quero mesmo dizer isso. Torturantemente lento? Talvez. Deixe o coco parado, furos pra baixo, sobre uma tigela grande o bastante para uma boa quantia de suco. Você já manteve líquido suspenso em um canudo cobrindo o topo dele com o dedo? Quando você remove seu dedo do topo, o líquido flui para fora da superfície. É o mesmo princípio aqui.
  4. Você se divertiu com a monotonia da água de coco pingando? Bem, aqui é onde algumas de suas características mais destrutivas terão uma explosão – arrebentando o coco!
  • Alguns dizem que é melhor olhar para os sulcos talhados que correm entre os círculos e abaixo em direção do meio do coco. Ache este sulco naquela região e rache-o, abrindo-o com um martelo ou uma pedra.
  • Outro método é simplesmente suprimir o coco com uma toalha ou folha e esmagar, esmagar e esmagar!
Ambos têm suas vantagens. Adotando o primeiro método, você pode terminar com um coco dividido em meias-esferas  muito mais agradáveis esteticamente. Mas, embora os resultados não sejam tão belos, esmagando o coco em pedacinhos tem suas vantagens quando se leva em conta o tempo para pegar a polpa do coco fora da casca. Pequenos pedaços podem tornar mais fácil remover a polpa.

A técnica da faca gigante.
Você tem uma grande faca geralmente reservada para cortes mais sérios? Se sim, então está com sorte – cortes sérios estão por vir!
  1. Segurando seu coco sobre uma tigela grande (usada para pegar o suco), encontre um sulco correndo dos círculos à região central (como acima).
  2. Quando você encontra o sulco e traça ele até a metade do seu coco, bata através dele usando a parte não afiada da faca. Você terá de bater naquela região do coco algumas vezes, mas o resultado provavelmente será um coco partido ao meio.
Independentemente da técnica que você escolher para abrir o coco, você deve ter um espaço que não será danificado pela força das marteladas, além dos meios para pegar a água de coco. Uma colher ou outra ferramenta plana pode ser usada para tirar a polpa pra fora da casca, mas uma casca fina provavelmente ainda penetrará na polpa. Você pode simplesmente usar a faca fina para cortar essa camada fora da polpa.

Alguns recomendam espetar o coco no forno e aquecer brevemente para afrouxar a polpa da casca. SE você decidir que precisa ajuda extra para pegar a polpa, apenas coloque o coco num forno com aproximadamente 400 graus por 15 minutos.