Como escolher uma raquete de tênis

Você já sabe que precisa de uma nova raquete de tênis, mas tem medo de fazer essa escolha? Talvez seja o preço da etiqueta que está te dando medo. Talvez seja o cheiro assustador de sor obsoleto e de bolas de tênis das lojas profissionais (mas você até que gosta, admita!). É mais provável, porém, que você esteja intimidado com o grande número de opções de raquetes disponíveis. Escolhendo uma raquete de ténis pode ser complicado, quer você jogue por três dias, três semanas ou três anos. Após três décadas, você deverá ter alguma idéia. Entretanto, este artigo pode te ajudar a começar no caminho certo.

Você é iniciante? Se você tem jogado só por alguns dias ou nunca jogou, você provavelmente vai querer uma raquete barata com uma área de impacto maior. Uma cabeça maior faz com que seja mais fácil você bater a bola nas cordas, ao invés de bater nas hastes (ou de não acertar a bola) , e não há porquê gastar centenas de dólares em uma raquete se não tiver a certeza de que pretende seguir a sério com este esporte. Experimente o esporte por um tempo e depois, se desejar, compre uma raquete melhor. A essa altura você provavelmente vai querer um menor área de impacto, em oposição às maiores e mais pesadas.

Jogadores de nível intermediário e avançado têm uma idéia muito melhor do seu estilo de jogo. Você gosta de bater com bastante giro? Você confia no seu serviço forte e raso? Será que o seu ataque envolverá um grande backswing ou você vai fazê-lo bater a bola no mais curta, com movimentos compactos? Você se aproxima da rede o tempo todo e quer uma raquete que irá responder rapidamente na rede? Você prefere jogar a partir da linha de base com tacadas grandes e firmes ao chão? Ou você é um daqueles raros jogadores que se movimentam por toda a quadra, com um jogo bem equilibrado?

Adivinha? Nós odiamos jogadores que se movimentam por toda a quadra. Brincadeira. Preste atenção: você encontrará raquetes de ténis no mercado direcionadas a todos os tipos de jogadores. Raquetes de alto giro, raquetes para aumentar a potência, raquetes com mais controle, raquetes para sacar melhor - seja o que for, você vai encontrar. Mas, embora a variedade possa ser esmagadora, existem algumas orientações que podem ajudá-lo a decidir entre todas as opções raquete, poupando-o de muita dor de cotovelo e frustração.

  1. Quão grande é a cabeça? Quanto maior a área de impacto, maior a potência. Além disso, suas chances de bater no ponto doce (sweet spot) vão aumentar porque o local é simplesmente maior. Estas são as razões pelas quais uma raquete maior faz mais sentido para um iniciante. Mas, quando você melhorar e ganhar força nas suas tacadas, é provável que você queira mudar para uma raquete de ténis com uma área de impacto menor, uma vez que irá proporcionar maior controle e manobrabilidade.
  2. O quão leve é uma raquete de tênis? Talvez você tenha a impressão de que uma raquete mais leve é melhor. É bastante interessante visitar uma loja profissional, pegar uma raquete de tênis nova e ser surpreendido pelo modo como ela é leve em suas mãos enquanto você a movimenta sem esforço no ar. Parece nada! Você poderia pensar, "Isso vai fazer com que seja muito mais fácil de jogar - Eu não vou ficar carregando pelo clube mais." A verdade da leveza é um pouco mais complicada. Apesar de ser contraintuitivo, é certo é que uma raquete de tênis mais leve pode estressar o seu braço mais do que uma com maior substância e peso. Você terá que girar com mais força para se alcançar a potência que você já tinha como garantida com a outra raquete. Seu novo giro vai, provavelmente, comprometer a precisão e o controle. Pense duas vezes antes de comprar uma raquete inconcebivelmente leve se você estiver acostumado com uma mais pesada. Se você está acostumado a uma raquete leve, mas sente dores constantes no cotovelo, provavelmente você deve procurar uma raqueta de tênis tradicionalmente mais pesada.
  3. Como é distribuído o peso da raquete? As raquetes têm a cabeça leve ou pesada?

Como mencionado acima, o peso da raquete pode ser um pouco enganador, você pode se surpreender com uma raquete que parece tão leve e que tem uma cabeça mais pesada do que uma raquete tradicional. Mas essa é a verdade: algumas raquetes são mais leves, mas têm cabeças ainda mais pesadas, porque a ideia éreforçar a potência e o giro. No entanto, a potência tende a ter uma relação inversa com o controle. Não só isso, mas você pode achar mais difícil, surpreendentemente, manusear essa raquete mais leve, pois o seu peso recai mais na sua cabeça. Na rede, talvez você sinta como se estivesse empunhando uma espada. Se o seu giro é curto e gera muito pouca potência, pode valer a pena comprar uma destas raquetes. Mas lembre-se que quanto mais leve, mais o choque é absorvido pelo seu braço e punho, um stress que ao longo do tempo pode levar a dor nas articulações.

Se a sua raquete tem a cabeça leve, essa é provavelmente uma boa notícia para o seu braço, uma vez que significa a raquete como um todo é mais pesada e não vai passar tanto choque para o seu braço. Você desfrutará de uma maior manobrabilidade, um melhor jogo na rede e melhor recuperação. Maior controle é geralmente o que você ganha com esta raquete - controle de bola e posicionamento de seu próprio movimento da raquete. Mas estas raquetes tradicionalmente ponderadas são concebidas para um jogador avançado ou que não tem nenhum problema e gerar potência e giros. Se a potência é um problema para você, então você não deve comprar a raquete com a cabeça mais leve que existe. Você provavelmente iria sentir como se você estivesse em um pesadelo na quadra, batendo a sua raquete de tênis ferozmente na bola, mas sem nenhuma potência.

A flexibilidade das raquetes de tênis também ajuda a determinar quais comprar. As raquetes de cabeças pesadas são geralmente mais rígidas (dobram menos num impacto com a bola), o que melhora também a sua potência. No entanto, rigidez irá diminuir giros potenciais e o controle. Se você é um novato que precisa de potência e não consegue muita potência no seu giro, então esta raquete pode ser útil. Mas embre-se que a rigidez do braço pode causar desconforto também. Raquetes de cabeça leve tendem a ser mais flexíveis, indicadas à aqueles jogadores que já têm potência, mas querem se concentrar em controle e rapidez de manuseio.

Tem algum de nós no circuito profissional? Duvido. Acho que a maioria das pessoas que está lendo este artigo sao iniciantes ou jogadores com habilidade intermediária. Mas dê uma olhada em raquetes de tênis os profissionais usam. Elas não sao tão grandes. Eles não têm a cabeça pesada. Em vez disso, estas raquetes tendem a ser de cabeças mais leve e menores. Agora, dê uma olhada nas que os novatos usam. Você verá raquetes com cabeças muito mais pesadas e muito maiores.
 


Considere o seu nível de proficiência e estilo de jogo. Se você está apenas começando a jogar e precisa de bastante área de impacto e potência, então, compre uma raquete com cabeça grande e pesada e a use até que você sinta que já ganhou potência própria e técnica suficiente para comprar uma menor, mais orientada para o controle. Se você já for um jogador avançado, com potênca, que quer reforçar o controle e ainda produzir giro, então uma raquete com cabeça leve e com boa flexibilidade deve satisfazer suas necessidades.

Mas não há nenhuma regra que se aplica a todos os jogadores sobre quando é hora de escolher uma raquete de tênis. Raquetes são feitas a partir das variáveis de peso da cabeça, peso geral e flexibilidade. Jogadores intermediários provavelmente encontrarão raquetes ideais com variáveis de peso e flexibilidade medianas. O melhor conselho que eu posso dar é experimentar o desempenho das raquetes de tênis antes de comprá-las, se for possível. Clubes de tênis têm lojas especializadas onde se pode alugar raquetes. Embora a tensão das cordas talvez não estejam adaptadas e otimizadas para o seu jogo, estas raquetes vão ajudar muito na hora da escolha de uma raquete de tênis. Divirta-se!