Como aprender sobre parto vaginal

Com os números de cesariana estando acima de 25 por cento a nível nacional, muitas mulheres querem saber sobre partos vaginais e como ter um. As cesarianas tem riscos, efeitos colaterais e uma recuperação mais demoradas (para a maioria das mulheres) do que os partos vaginais. Um parto vaginal não é necessariamente um parto normal, mas é um parto não-cesariano. Um parto normal é um parto sem intervenções, como remédios para dor.

Quanto mais você aprender sobre partos vaginais, melhores são suas chances de ter um. Há muitos lugares onde se pode aprender sobre o parto vaginal.

  • Converse com seu médico. É ele quem vai decidir se um parto cesárea é o melhor. Pergunte quando eles fazem cesarianas, quais são as razões, e se você tem um grande risco para um parto cesariana. Se você está esperando gêmeos ou tem uma condição médica como diabetes gestacional, você tem um risco mais elevado. Além disso, cesarianas não são realizadas por parteiras. Se seu atendente é uma parteira, ela a encaminhará para um ginecologista e obstetra se achar que você pode precisar da cirurgia.
  • Converse com instrutor. Seu instrutor de parto é uma ótima fonte sobre partos vaginais. Ela pode te educar e dizer maneiras de aumentar sua probabilidade de um parto vaginal.
  • Converse com sua doula. Uma doula é uma treinadora profissional para partos. Tal como a instrutora, ela terá fontes educativas sobre o parto vaginal. Se você decidir contratar uma doula, estatisticamente, suas chances de precisar de um parto cesariano são menores.
  • Vá até a livraria local. Uma livraria terá prateleiras de livros sobre nascimentos. Alguns, como Birthing from Within, de Pam England e Ina May's Guide to Childbirth, de Ina May Gaskin se focam em partos vaginais e normais. Outros livros como The Thinking Woman's Guide to a Better Birt, de Henci Goer visam educar sobre intervenções cesarianas. A maioria dos livros sobre partos tem uma grande quantidade de informações sobre partos vaginais.
  • Leia artigos na internet. Há muitos artigos bons na web sobre partos. Porém, você deve ser cautelosa sobre eles, uma vez que muitos mitos sobre partos também são perpetuados por causa da internet. Confira as credenciais do autor antes de ler um artigo e entenda que alguns artigos e estudos são contraditórios.