Como saber se você está grávida

A gravidez é um momento de orgulho para qualquer mulher e nunca deve ser encarada como um fardo, nem aceito com relutância. Sem dúvida a mulher grávida passa por uma experiência totalmente inédita em sua vida, e pode haver vários problemas em uma primípara (uma mulher que dá a luz pela primeira vez). Mas em uma multípara, os problemas não são nem inéditos, nem perturbadores, pela simples razão de que ela já uma mulher que passou por várias tempestades.

Sintomas comuns da gravidez:

  1. Interrupção do fluxo menstrual - Em termos médicos, esta situação é referida como amenorreia. A causa mais comum de amenorreia é a gravidez, mas também pode ocorrer devido a outras razões. Assim, um período de menstruação perdido não deve ser tomado como um sinal de gravidez, mas apenas como uma indicação. Em casos excepcionais, o período fértil pode estar presente até o sexto mês, ou em casos raros, podem ocorrer durante toda a gravidez.
  2. Endurecimento e alteração da cor dos mamilos e da área em torno deles (auréola) - No início da gravidez, os seios podem ficar rugosos e sensíveis ao toque. Também, a área ao redor dos mamilos fica com coloração mais escura, podendo tornar-se sensível. Isto acontece porque quando se engravida, existe um súbito fluxo de hormônios especial para a mama, que prepara o corpo para a produção de leite.
  3. Vômitos ocasionais (embora raro) e náuseas (bastante comum) - Esta é a forma mais tradicional para se suspeitar de gravidez, mas é a intuição feminina que pode distinguir entre o vômito de gravidez, e um ocasionado por qualquer outra razão. A náusea ocorre principalmente na parte da manhã, ao tomar um café ou comer algo com o estômago vazio. É também conhecido como ‘enjôo matinal’, embora algumas mulheres possam sentir náuseas na parte da tarde ou mesmo durante o dia todo. As náuseas normalmente ocorrem devido a baixos níveis de açúcar no sangue.
  4. Micção freqüentes - Você pode sentir vontade de urinar com mais freqüência do que antes, embora cada visita ao banheiro possa ser mais curta. O motivo provável é que o útero inchado coloca mais pressão sobre a bexiga, que resulta em tal atividade. Este sinal de gravidez pode aparecer muito na primeira semana após a concepção e pode durar até o último mês.
  5. Dor nas costas e no lombo - Geralmente ocorre dor na parte inferior das costas durante a gravidez, devido às alterações no peso corporal e postura. Também pode ocorrer devido a falta de sono e algumas alterações hormonais no organismo. Um travesseiro para gravidez é de grande ajuda para superar essa dor.
  6. Tonturas e dor de cabeça - Tonturas às vezes podem ser acompanhada de desmaio. Devido às mudanças que ocorrem no corpo durante a gravidez, você pode se sentir tonta ao subir escadas, ao ficarem em pé na fila ou em um lugar muito cheio. O inchaço do útero faz com que as artérias na perna se comprimam, o que pode diminuir a pressão arterial e fazer você se sentir tonta.
  7. Desejos de comidas e gostos estranhos/indefiníveis - Não há uma razão científica conhecida para essa fissura durante a gravidez, mas pensa-se ser uma reação do corpo em direção a determinadas deficiências minerais. Cada mulher pode experimentar uma vontade de um alimento diferente, mas se o alimento for de baixo valor nutritivo e alto teor calórico, deve ser evitado.
Todos os sintomas acima podem não ser sentido juntos, mas se a maioria deles estiver presente, há suspeita de gravidez. Quando suspeitar de gravidez, você deve procurar imediatamente uma confirmação médica. Uma variedade de testes estão disponíveis para este fim, sendo os mais comuns a análises do sangue, urina e teste com exame interno. Após receber o resultado positivo, você pode espalhar a notícia e começar a preparação para acolher um recém-nascido saudável.