Como investir em ações

Não é raro ouvir dos colegas discutindo seus ganhos e perdas em seus investimentos em ações recentes. Mas, para alguém sem treinamento formal no mercado de ações, a idéia de colocar seu dinheiro por trás do valor de uma empresa pode parecer chocante. Em vez de mergulhar no escuro, e esperando o melhor, siga estes 4 passos para educar-se sobre o processo de investimento no mercado de ações, garantindo que você tire o máximo proveito de seu dinheiro.

No clima turbulento de hoje, você pode se perguntar se há algum bom investimento a ser feito no mercado de ações. Sugiro que você vá para Trading Pro System, que mostra como você pode vencer a tendência de queda e ainda ganhar dinheiro.

  • Considere o seu nível de risco. Antes mesmo de pensar em abrir sua carteira, você tem que decidir se é certo para você. Para investir, é preciso ter um bom crédito e dinheiro disponível para investir. Se você está confiando em ações para trazer uma renda regular, então esse pode não ser o caminho para você. Um questionário simples sobre risco não só vai deixar você saber se o investimento é certo para você, mas irá também sugerir se deve considerar opções de baixo, médio ou alto risco. Naturalmente, quanto maior o risco, maior a recompensa, mas também, maior o potencial de perdas. Muitos preferem o pacote misto que os fundos mútuos oferecem, pois, como um agrupamento de empresas, eventuais perdas em uma empresa geralmente são compensadas pelos ganhos em outra. Se seus objetivos de longo prazo estão em poupar para algo grande como uma casa, considerar os tipos de risco irá ajudá-lo a alcançar esse objetivo. Escolha sabiamente e verifique se você está confortável com o seu nível de risco.
  • Pesquise suas opções. Para realmente se sentir bem versado no mercado de ações, você precisa ter um pouco de compreensão de como ele funciona. Se você não sabe a diferença entre uma ação, participação acionária, título de dívida, e fundo mútuo, vá a uma biblioteca ou um site que possa educá-lo. Em seguida, solicite às empresas que lhe interessam um prospecto que descreva seus fundos e o retorno recente. Saiba em quem você está investindo. Nos sites também estão disponíveis com taxas de ações e fundos mútuos, uma ferramenta indispensável para um marinheiro de primeira viagem.
  • Contrate um corretor da bolsa. Muito parecido com um tutor para seu dinheiro, um corretor da bolsa é responsável por investir em seu nome. Claro, sempre há taxas de corretores da bolsa, mas muitas vezes a sua experiência e visão sobre o mercado de ações supera o seu custo. Você pode começar por dar-lhes uma quantia em dinheiro, ou autorizar retiradas automática semanais. Você pode fazer sugestões com base nas ações que você gostaria de investir, ou você pode confiar o seu dinheiro para os profissionais. Em grandes investimentos ou pequenos, um corretor da bolsa é capaz de atender à sua situação financeira única e tomar decisões que melhor lhe beneficiem.
  • Invista online. Para a maioria, a idéia de enviar seu dinheiro para fora com o clique de um botão, parece uma ação ridícula. Mas para um investidor experiente, investir online pode ser muito proveitoso. Depois de pesquisar as empresas em perspectiva, você iria investir o seu dinheiro de forma independente, muitas vezes através de um site ou por telefone. Certifique-se de espalhar o seu dinheiro em uma variedade de tipos de investimentos (ações, obrigações, fundos mútuos, etc.) para aumentar suas chances de fazer mais-valias.


O investimento em ações no mercado sempre tem algum elemento de risco. Mas com um pouco de educação e experiência do campo, você vai ver os ganhos em sua carteira de ações a longo prazo.