Como proteger a propriedade intelectual

A propriedade intelectual refere-se a um conceito intangível, tais como um negócio ou idéia criativa, uma propriedade que não pode ser facilmente atribuída a qualquer pessoa, salvo se essa pessoa dá o passo de proteger e registrar a idéia ou pensamento como sua. Proteger o capital intelectual é fundamental, porque é fácil para qualquer um reclamar que a idéia é sua e, na ausência de proteção adequada, a sua idéia pode acabar sendo utilizada por terceiros para uma significativa vantagem financeira. Ter a sua idéia original roubada ou usurpada por outros indivíduos anula todo o trabalho duro e conceito que você fez, e pode levar a futuros problemas complicados. Abaixo estão listados alguns métodos pelos quais você pode proteger sua propriedade intelectual e não perder em seus benefícios.

  • Tendo uma idéia original e testando-a. Antes de tomar medidas legais para ter a sua idéia protegida, existem alguns testes básicos que a idéia deve atravessar, comprovando a sua proveniência e originalidade. Primeiro, apenas uma aplicação prática e concreta da idéia, e não a idéia em si, é elegível para você se beneficiar da proteção. Você deve ter o cuidado de assegurar que uma idéia semelhante não existe em mais lugar nenhum, de qualquer forma, e a aplicação dessa idéia deve ser viável, testada no ambiente adequado em que é concebido para funcionar e, o mais importante, ela deve ser única e não ter sido encontrada em nenhum outro lugar.
  • Aplicando para uma patente. Sob as leis americanas, uma patente protege o dono de outras pessoas no exercício dos seus direitos sobre o produto ou aplicação, fornecendo apenas ao titular da patente os direitos de fazer, vender, oferecer ou usar o produto ou invenção, com plena autoridade. Obter uma patente registrada é um processo demorado e caro. Em média, leva mais de dois anos para todo o registro da patente, a partir do momento que você faz o seu pedido, e o custo vai variar dependendo do quão simples ou complexa é a idéia.
  • Contratar um advogado qualificado. Pedidos de patentes com as formalidades que acompanham, até que o registro formal seja feito, são melhores delegados a um advogado de patentes qualificado e experiente, que será capaz de preparar o pedido de patente com a melhor linguagem técnica, evitando generalidades e assegurar que cada passo do processo é juridicamente cumprido e concluído.
  • Mantendo a papelada. Desde o momento da concepção, você precisará manter registros cuidadosos de como você teve uma idéia, todas as informações pertinentes de criação da concepção e testes envolvidos, incluindo palestras e discussões que você possa ter tido com terceiros, bem como com o seu advogado. É importante não deixar escapar sequer um único pedaço de informação, uma vez que irá determinar a autenticidade e traçar o desenvolvimento do conceito de produto e / ou aplicação.


Uma vez que você é capaz de mostrar uma faixa limpa entre a obtenção de uma idéia e a implementação da mesma, você verá que obter uma autorização de patentes para proteger sua propriedade intelectual torna-se realmente mais simples e eficaz. Certifique-se sempre ter aconselhamento jurídico e de negócios adequado e deixe claro para todos os interessados quanto à origem e propriedade de sua idéia.