Como lidar com os sintomas da menopausa

Muitas mulheres descobrem que bem quando estão colocando suas vidas em ordem - carreira estável, relação sólida, crianças crescidas ou a caminho - começam a experimentar uma variedade de sintomas devido à flutuação dos níveis hormonais associados à menopausa. Enquanto algumas mulheres fazem esta transição com poucos sintomas perceptíveis, a maioria experimenta algum desconforto físico e emocional.

Desde a perimenopausa (os anos que precedem a verdadeira menopausa, quando os hormônios estão em um fluxo constante), que pode durar de dois a oito anos, é importante que as mulheres compreendam que existem formas de lidar com tais sintomas. A adoção de medidas para fazer desses anos o menos problemáticos possível pode ajudar as mulheres a passar facilmente pela menopausa.

  1. Agende um check-up: Muitos sintomas da menopausa podem ser parecidos com muitos outros problemas de saúde, por isso mulheres que estão enfrentando qualquer sintoma devem começar com um minucioso exame médico. Afastar a possibilidade de possíveis doenças limpa o caminho para se concentrar na menopausa.
  2. Considere suas opções: Algumas mulheres escolhem uma terapia de reposição hormonal (TRH) para aliviar os sintomas da menopausa, enquanto outras preferem formas alternativas. O que é certo para uma mulher pode não ser a melhor escolha para outra, mas é importante para todas se educar sobre suas opções.
  3. Avalie seus sintomas: Calores súbitos, mudanças de humor, períodos menstruais irregulares e libido diminuída são sintomas comuns da menopausa. Muitas mulheres notam sintomas adicionais, incluindo fadiga, articulações doloridas, erupções cutâneas, e queda de cabelo. Ficar de olho nos sintomas e verificar sua intensidade é importante para decidir sobre um plano de ação.
  4. Fale sobre isso: Uma geração atrás, a menopausa não era considerada tema de conversa. Felizmente hoje as mulheres ficam mais confortáveis do que suas mães com o assunto, tornando mais fácil para elas encontrarem respostas às suas preocupações. Enquanto algumas mulheres dão boas-vindas à menopausa, outras podem vê-la como uma perda, significando o final de seu período fértil. Isso pode ser especialmente difícil para mulheres que têm adiado a maternidade e possam estar reconsiderando sua escolha. Conversar com outras mulheres que estão enfrentando sentimentos semelhantes pode ser bastante útil.
  5. Recorra às ervas: Muitos médicos alopáticos estão agora levando em consideração os benefícios dos suplementos de ervas para aliviar os sintomas da menopausa. Duas ervas que estão atualmente recebendo muita atenção são a erva-de-são-cristovão (ou actéia) e o trevo vermelho. Veja o site How To Use Herbs and Supplements to Ease Menopausal Symptoms para mais informações sobre este tópico.
  6. Cuidado com a dieta: Pesquisas parecem indicar que uma dieta rica em frutas, legumes, cereais integrais e soja pode ser benéfica para minimizar os sintomas da menopausa. Ter uma alimentação saudável faz sentido para a saúde geral, então implementar mudanças positivas na dieta certamente não dói!
  7. Ache tempo para se desestressar: Tensão, ansiedade e depressão leve são queixas que muitas mulheres levam para seus médicos quando estão na perimenopausa. Fazer exercícios regulares e achar tempo para uma reflexão tranquila pode ajudar a aliviar o stress associado com a menopausa. Clique aqui para aprender a meditar e aliviar o stress.
  8. Fique envolvida: Manter contato com amigos, familiares e com a comunidade pode ser benéfico de várias maneiras. Entes queridos podem fornecer uma maravilhosa fonte de apoio e incentivo durante a perimenopausa. Dar uma boa risada, ter um ouvido compreensivo ou apenas um lugar para aliviar suas frustrações pode fazer maravilhas!
Quando submetidos a qualquer transição vida, sabendo que você tem escolhas é importante. A menopausa é uma fase perfeitamente natural da vida, e aprender as formas de gerir as mudanças físicas e emocionais podem tornar a transição tão suave quanto possível.